NOTÍCIAS




Os atrativos da Cidade dos Reis Magos e da futura Marina de Natal despertaram o interesse de mais investidores internacionais. Desta feita são os franceses dos grupos Mecc Solutions e da New Co Marine, que visitarão o Porto de Natal e a área da Marina, acompanhados do secretário municipal de Turismo e Desenvolvimento Econômico, Fernando Bezerril. Afora o grupo francês, há um grupo espanhol e dois grupos nacionais interessados em investir no complexo náutico. A licitação será de caráter internacional. Conforme o secretário Fernando Bezerril, a Marina molhada terá uma área de 25 hectares e ficará localizada a 50 metros da Ponte Newton Navarro e a 500 metros da Fortaleza dos Reis Magos. Concluída a Marina, a mesma terá capacidade de receber até 450 embarcações de porte grande, médio e pequeno. Atualmente, o calado do Porto de Natal é de 12,5 metros. O complexo náutico (marina seca) contará com área aberta ao público para atividades de lazer e entretenimento, além de lojas, restaurantes, Memorial Náutico e escola de vela para a formação de jovens carentes. Proporcionará, ainda, a elaboração e captação de eventos e provas de navegação. O gestor informou que a Marina seca ficará na antiga área do Círculo Militar. Vantagens A construção do Memorial Náutico vai contribuir para a valorização histórica da nossa região e do mundo das navegações do qual conste exemplares da cartografia histórica e obras de arte concernentes à Marinha. Esta será uma das vantagens da Marina de Natal. Constam, também, do projeto a implantação e manutenção por 15 anos de um bosque e de Jardim Botânico, a criação e implementação da Escola de Vela Fortaleza dos Reis Magos, com abertura de pelo menos 10% (dez por cento) das vagas destinadas à população carente; promoção de cursos de capacitação profissional para serem absorvidos nos trabalhos desenvolvidos na Marina, com forte ênfase à inclusão social de jovens, retirando-os das ruas e da marginalização; e a urbanização, manutenção da área e segurança da área da Marina, bem como do seu entorno. A execução do projeto da Marina de Natal está na dependência da regulamentação da Zona de Proteção Ambiental (ZPA-07). Ainda segundo Fernando Bezerril, todos os pareceres técnicos dos órgãos públicos envolvidos na questão foram favoráveis. A construção da Marina tem previsão de dois anos. Abertura para o mundo O segmento do mercado náutico é um dos que mais geram empregos no mundo. A localização geográfica de Natal para o Brasil e para as Américas é a porta de entrada para quem vem da Europa, permitindo partir em várias direções e sendo útil como ponto de parada para os navegadores de recreio em suas viagens transatlânticas e continentais. A construção da Marina é um ponto fundamental para a afirmação do nosso estado como um destino de “turismo oceânico” de referência. Um dos principais pontos da atividade das marinas está relacionado com o combate à tradicional sazonalidade da atividade turística. Tal como o golfe, as marinas têm uma importante atividade durante toda a baixa estação, tornando-se essencial para a viabilização de inúmeras atividades econômicas e turísticas. Outro fator relevante é o fato desta atividade atrair para o nosso país turistas provenientes de países que normalmente não optam pelo produto turístico tradicional (sol e praia). Algumas marinas registram entradas anuais de cerca de 30 nacionalidades diferentes. Países como a Argentina, Japão, França e Itália surgem nas nossas marinas e permitem diversificar a nossa oferta turística minimizando os riscos de uma elevada dependência de um só mercado. As atividades complementares à Marina ou porto de recreio são relacionadas à aluguel e venda de embarcações, passeios turísticos, pesca desportiva e turística, limpeza e manutenção de embarcações, estaleiros navais, incremento na ocupação da hotelaria e outras atividades comerciais, como bares, restaurantes, passeios, aluguéis de carro, atividade imobiliária, clubes náuticos, postos médicos, construção civil, comércio de equipamento náutico, piscinas e outras áreas de lazer. Secretaria Municipal de Comunicação -(84) 3232.8858





Comentários