NOTÍCIAS




Sistema organizou um evento totalmente on-line para unir cooperados produtores rurais e fornecedores, visando fortalecer o agronegócio brasileiro

O Sicoob - Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil - realizou, de 31 de julho a 7 de agosto, seu primeiro Feirão de Agronegócios totalmente virtual. De acordo com a instituição, foram originadas mais de R$ 43 milhões em propostas durante os dias do evento, que surgiu para preencher um espaço deixado pelas feiras presenciais, suspensas ou canceladas em todo o País por conta do coronavírus.

De acordo com Raphael Silva Santana, gerente de Agronegócios do Sicoob, apesar do período instável da economia brasileira e das incertezas que surgiram por conta da pandemia, o agronegócio brasileiro seguiu muito forte. "Notamos que o gargalo foi em relação aos negócios que seriam realizados em feiras e acabaram não acontecendo, impactando um nicho grande do agronegócio", afirma.

O sistema registrou mais de 31 mil acessos na página do Feirão, organizado dentro do App Sicoob Moob. Antes do evento, o aplicativo contava com 8 mil produtores rurais cadastrados e, após o fim do Feirão, o Sicoob Moob conta com 16 mil cooperados produtores registrados.

De acordo com Raphael, o valor prospectado em propostas chegou a R$ 43,9 milhões, em cerca de 1,5 mil anúncios, com 175 fornecedores regionais e nacionais. As ofertas eram válidas para maquinário, equipamentos, insumos, gado de corte, sêmen, entre outros, e a prospecção de negócios entre cooperados, fornecedores e cooperativas de crédito ocorreu diretamente via App Sicoob Moob.

"Foi uma ótima oportunidade para que os cooperados realizassem negócios de forma prática e segura, em um ambiente virtual, contando com ótimas condições para seu desenvolvimento", diz Raphael.

Além do Feirão, o Sicoob tem se mostrado um grande apoiador do agronegócio brasileiro. Em agosto, anunciou a liberação de até R$ 16 bilhões no Plano Safra 2020/2021, alocando os recursos em diferentes linhas e conferindo alta competitividade para o Sistema no mercado. O valor é 33% maior do que os recursos cedidos no ano-safra anterior.

Segundo o executivo, quando um cooperado busca a cooperativa para acessar crédito, além de encontrar taxas mais justas do que as praticadas em outras instituições financeiras, ajuda no resultado financeiro do sistema. "Isso contribui para o crescimento do cooperativismo e, também, das comunidades em que as cooperativas estão inseridas", finaliza o executivo.

Sobre o Sicoob - O Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil, Sicoob, possui 4,7 milhões de cooperados em todo o país e está presente em todos os estados brasileiros e no Distrito Federal. É composto por mais de 390 cooperativas singulares, 16 cooperativas centrais e a Confederação Nacional das Cooperativas do Sicoob (Sicoob Confederação). Integram, ainda, o Sistema, o Banco Cooperativo do Brasil do Brasil (Bancoob) e suas subsidiárias (empresas/entidades de: meios eletrônicos de pagamento, consórcios, DTVM, seguradora e previdência) provedoras de produtos e serviços especializados para cooperativas financeiras. A rede Sicoob é a quarta maior entre as instituições financeiras que atuam no país, com mais de 3 mil pontos de atendimento. As cooperativas integrantes do Sistema oferecem aos cooperados serviços de conta corrente, crédito, investimento, cartões, previdência, consórcio, seguros, cobrança bancária, adquirência de meios eletrônicos de pagamento, dentre outras soluções financeiras. Mais informações acesse: www.sicoob.com.br.





Comentários