O PÚBLICO

NOTÍCIAS




Na manhã desta quinta-feira (01), alunos da Escola Municipal Professora Zeneide Igino de Moura participaram do Projeto Pelotão da Cidadania, coordenado pelo Departamento de Atenção ao Educando (DAE) da Secretaria Municipal de Educação. A atividade é a primeira do cronograma do projeto que vai ser executado até o mês de novembro. O projeto atendeu 30 crianças nesta primeira atividade depois do recesso escolar.

A aula passeio faz parte das atividades educativas que o projeto é desenvolvido ao longo dos anos nas escolas municipais, apresentando aos estudantes vários pontos de referência de conhecimentos em áreas de cultura, meio ambiente, saúde e patrimônio histórico, articulando com propostas pedagógicas em sala de aula.

No Parque da Cidade os estudantes participaram de uma caminhada pela paisagem das trilhas, observando a flora e fauna que formam o ecossistema local. Os estudantes também conheceram o memorial e mirante na torre projetada pelo arquiteto Oscar Niemeyer, com uma visão panorâmica da capital potiguar. Na programação, uma palestra e um vídeo educativo contando a origem do município, além dos painéis históricos e ilustrativos. Uma visita ao espaço que retrata os animais taxidermizados e caixas entomológicas com insetos remanescentes da Mata Atlântica e presentes na fauna local. Ao final do trajeto, visitaram uma exposição fotográfica e o acervo da biblioteca.

 

A professora Maria Luziene de Medeiros, que leciona no 5º ano do Ensino Fundamental acompanhou os alunos e destacou que o projeto contribui para ampliar os conhecimentos dos estudantes sobre história, ecologia e meio ambiente. "A escola já tem alunos que participam da programação do Parque da Cidade e esse percurso cultural facilita ainda mais o processo de aprendizagem. No espaço da escola criamos relatos, murais, construção de maquetes e mostras didáticas com desenhos e fotos, " explicou Maria Luziene.

Sara Beatriz da Silva Paulino, de 10 anos, gostou da aula e destacou que aprendeu sobre história e ecologia. "Conheci como é feito o trabalho sobre esses animais mortos expostos, que conservam à pele, tirando os órgãos e colocando arame e algodão".

A assessora pedagógica Maria Graciete Dias de Lima, integrante do Pelotão da Cidadania, destacou que foi a primeira atividade que inaugura uma série de 25 aulas de campo e passeio mensais que seguem até o mês de novembro com 19 escolas da Rede Municipal de Ensino. "As escolas fazem atividades pedagógicas dentro da aula passeio, realizando relatórios a partir do aprendizado dos alunos, interagindo com os temas que transformam em trabalhos práticos na escola".

O Pelotão da Cidadania vai seguir nos próximos meses um roteiro que inclui ainda o Museu dos Minérios, CTBU, Aterro Sanitário, STTU, SAMU, Parque das Dunas, CAERN, Fortaleza dos Reis Magos, Museu Câmara Cascudo, Marinha do Brasil, Museu Ferreiro Torto e Circuito Histórico do Centro de Natal.

foto Adrovando Claro 





Comentários