NOTÍCIAS





O secretário adjunto da Secretaria de Estado da Segurança Pública e da Defesa Social do RN, Caio Bezerra, se reuniu na manhã de segunda-feira (21) com o presidente da Associação Norte Riograndense de Criadores (Anorc), Antônio Teófilo Filho, para discutir as medidas necessárias para garantir a segurança dos frequentadores da tradicional Festa do Boi, que neste ano acontece no período de 10 a 18 de outubro, no Parque Aristófanes Fernandes, em Parnamirim.

"Com base nas ações discutidas nesta segunda-feira, estaremos elaborando um plano de operações, integrando a estrutura das Polícias Militar e Civil e Corpo de Bombeiros. Entendemos que a Festa do Boi se trata de um evento tradicional e importante para economia do estado e isso justifica uma atenção especial dos órgãos envolvidos", disse o secretário adjunto da Sesed.

Para reforçar o policiamento no local, a Secretaria estará disponibilizando uma unidade móvel de Comando e Controle do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública (Ciosp), bem como sua Plataforma de Observação Elevada (POE), que permitirá um monitoramento por câmeras em pontos considerados estratégicos para o evento, tanto na área externa como interna.

Também foi discutida a necessidade da atuação de unidades especializadas da Polícia Militar como a Cavalaria e o serviço de inteligência da Polícia Civil para adoção de um serviço mais eficiente em todas as áreas do evento. Uma delegacia móvel da Polícia Civil também poderá ser disponibilizada neste período.

Em 2014, a PM atuou na Festa do Boi, no Parque Aristófanes Fernandes, com um efetivo diário de 70 policiais, acrescentando mais 150 militares extras nos dias de shows e 80 nos dias menos movimentados.

O plano de operações para 53ª Festa do Boi será apresentado no dia 5 de outubro, às 10h, durante reunião do Gabinete de Gestão Integrada Estadual (GGI-E) na Sesed, em Natal. Além das forças estaduais de segurança (PM, BM, PC e Itep) serão convidados a participarem do próximo encontro a Polícia Rodoviária Estadual, Polícia Federal, Prefeitura de Parnamirim, Conselho Estadual da Criança e Adolescente, entre outros órgãos.

 





Comentários